segunda-feira, 19 de abril de 2021

Escritor de 83 anos julgado por pedofilia após vítima escrever livro

Vanessa Springora garante que teve um relacionamento com Gabriel Matzneff quando tinha 14 anos e ele 50

 

© Getty Images

Um escritor francês de 83 anos está sendo julgado por pedofilia depois de uma das vítimas ter divulgado os abusos, cometidos há 30 anos, num livro.

Em ‘O Consentimento’, Vanessa Springora revela que manteve um relacionamento com Gabriel Matzneff, quando tinha apenas 14 anos e ele 50. De acordo com a escritora, a família aprovava a relação apesar da diferença de idades.

O livro, lançado em 2020, conta ainda que o relacionamento, apesar de ser consentido na altura, deixou “marcas” na mulher difíceis de ultrapassar e incendeia ainda mais a discussão sobre a “permissividade” da elite francesa aos abusos sexuais que tem sido tão debatida nos últimos meses.

Vanessa revela ainda que, após colocar um ponto final na relação, o escritor a perseguiu e expôs a sua intimidade nos livros que escreveu sem que o seu prestígio como artista de renome fosse afetado.

Após o lançamento do livro de Vanessa, Lattifa Benari, que tem uma Organização Não Governamental (ONG) que ajuda vítimas de pedófilos, entrou com uma ação judicial contra Gabriel Matzneff, por este“apelar à pedofilia”.

Com a divulgação do livro de Vanessa e o processo movido por Lattifa Benari, Gabriel Matzneff deixou de conseguir publicar os seus livros. Todas as três editores que o representavam deixaram de fazer.

O escritor vai ser julgado por este crime em setembro.

Recorde-se que, durante cerca de 40 anos, Gabriel Matzneff “gabou-se” nos seus livros de conquistar adolescentes, descrevendo como “sedução” o que era, na verdade, abuso sexual de menores.

VIA...NOTÍCIAS AO MINUTO 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são pessoais, é não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado, Infonavweb!

Topo