terça-feira, 6 de outubro de 2020

5 dicas para não cair no golpe do falso leilão

 

Especialista traz informações essenciais para não ser vítima de criminosos

© Shutterstock

O avanço da tecnologia trouxe muitos benefícios para a população, no entanto, têm sido constante as ações de quadrilhas que praticam crimes cibernéticos, em busca de enganar e lesar os cidadãos de diversas formas. Nos últimos anos, tem se popularizado cada vez mais o golpe do falso leilão, em que criminosos comercializam pela internet produtos que, na verdade, nunca existiram.

Apenas no primeiro trimestre de 2020, este tipo de delito teve um aumento de 70%, de acordo com levantamento da Associação Nacional dos Leiloeiros Judiciais (ANLJ). 

Em agosto, a Polícia Civil de São Paulo prendeu 5 pessoas, acusadas de enganarem cerca de 50 mil consumidores com este tipo de crime.As quadrilhas buscam reproduzir um leilão virtual adquirindo endereços na internet, utilizando padrões visuais, disponibilizando fotos fictícias de produtos e inserindo, inclusive, marcas de bancos ou órgãos públicos em suas páginas. 

O cidadão acredita que arrematou um veículo ou imóvel no evento, recebe uma documentação falsa e transfere o dinheiro para a conta dos criminosos.Para que você não seja mais uma vítima deste tipo de delito, o leiloeiro público oficial Antonio Hissao Sato Junior, CEO da empresa Sato Leilões, listou algumas dicas importantes.

Confira:Leia o edital

No edital estão todas as informações essenciais do leilão: data, hora, local (em caso de evento presencial), lance inicial, modo de pagamento, condições do lote (veículo, imóvel, máquina, entre outros), se há pendencias de pagamento, entre outras informações que você precisa saber sobre o bem, antes de adquiri-lo.

Pesquise informações sobre a empresa e o leiloeiroConsulte informações sobre quem está organizando o evento, por meio da internet, jornal ou órgãos públicos, como a junta comercial. É essencial conhecer a empresa que está realizando o leilão, para comprovar que se trata de um evento autêntico.

Faça uma visita ao pátioProcure visitar o pátio da casa leiloeira e conferir os lotes de perto, sempre que possível. 

Neste momento de isolamento social, em que medidas preventivas estão sendo tomadas para garantir o bem estar de todos, as empresas também disponibilizam vídeos de cada item, que ajudam à identificar de que se trata de um leilão oficial e de que o bem existe, de fato.

Assista ao leilãoPor conta da pandemia, os leilões presenciais estão suspensos, impossibilitando que os arrematantes possam comparecer ao evento. No entanto, as casas leiloeiras têm transmitido todos os eventos ao vivo pela internet. Este tipo de ação, é muito importante para que não haja dúvidas de que se trata de um leilão legítimo.Não faça nenhum depósito sem averiguar a conta Ao realizar um lance, fique atento aos métodos de pagamento. 

Quando for realizar o depósito referente ao item adquirido, certifique-se que a conta esteja em nome do leiloeiro oficial ou do comitente. Nunca realize pagamentos em contas de empresas. Vale ressaltar que, em um leilão oficial, não é possível desistir da compra de um bem após arrematá-lo.


VIA...NOTÍCIAS AO MINUTO 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são pessoais, é não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado, Infonavweb!

Topo