sábado, 3 de abril de 2021

Apenas 500 voluntários poderão entrar no Japão para os Jogos de Tóquio-2020

Os 500 voluntários seriam selecionados em meio a um grupo de 2 mil candidatos que moram fora do Japão

© Shutterstock


A presença de voluntários estrangeiros em Tóquio também não será permitida durante os Jogos Olímpicos de Tóquio-2020. "Lamento muito, mas decidimos que não há alternativa senão descartar o plano", resumiu Toshiro Muto, o diretor executivo do Comitê Organizador. No entanto, existe a possibilidade de os organizadores abrirem uma exceção e permitirem a entrada de 500 trabalhadores, com habilidade específicas, como a fluência em determinados idiomas. Eles chegariam ao Japão sob regras especiais.

Os 500 voluntários seriam selecionados em meio a um grupo de 2 mil candidatos que moram fora do Japão. Inicialmente, os organizadores planejavam empregar 80 mil voluntários, sendo que 10% do total seria formado por pessoas do exterior, enquanto o governo japonês tinha a ideia de adicionar outros 30 mil, em sua maioria vindos de fora.

Em resposta ao Estadão, o Comitê Organizador informou que divulgará o número total de voluntários apenas perto do início dos Jogos e afirmou que as sessões de treinamento com os trabalhadores terão início em abril, sendo que alguns farão as atividades à distância, virtualmente.

No entanto, "devido à natureza dos treinamentos, muitos voluntários terão que comparecer aos locais onde irão realizar suas atividades, contudo, nesses casos, planejamos tomar medidas rigorosas contra doenças infecciosas, como garantir distância física e uso de máscaras", disse a organização. "Já delineamos as regras básicas de conduta para os voluntários em relação à covid-19 e continuaremos a estudar medidas necessárias", completou.

O próximo passo dos organizadores será decidir quantos espectadores locais poderão assistir às provas. Foi sugerido inicialmente que a definição ocorreria nos próximos dias, mas o presidente do COI, o alemão Thomas Bach, afirmou que a decisão possivelmente será adiada para uma data próxima ao dia de abertura, em 23 de julho.

Como parte de suas medidas para conter o avanço da pandemia, o Japão mantém suas fronteiras fechadas para a chegada de visitantes estrangeiros desde o final de dezembro passado e só permite o acesso ao país de cidadãos japoneses ou residentes estrangeiros.

VIA...NOTÍCIAS AO MINUTO 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são pessoais, é não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado, Infonavweb!

Topo