quarta-feira, 2 de setembro de 2020

Brasil notifica mais 1.184 mortes e aproxima-se dos 4 milhões de casos

O Brasil é o segundo país do mundo com mais mortes e mais casos de contágio pelo novo coronavírus, sendo apenas superado pelos Estados Unidos.

© DR
O Ministério da Saúde contabilizou nesta quarta-feira mais 1.184 mortes associadas ao novo coronavírus, uma ligeira descida em relação à véspera (1.215), mas continuando acima do patamar das mil mortes diárias. Já morreram no Brasil, desde o início da pandemia no país, 123.780 pessoas infectadas com o vírus SARS-CoV-2.


A pasta notifica ainda 46.934 novos casos de infecção, um número que se mantém acima dos 40 mil quase consecutivamente desde o dia 25 de agosto (com exceção do dia 30, quando foram reportados 16.158 novos casos).
O número total de casos confirmados no país, desde 26 de fevereiro, é agora de 3.997.865, prevendo-se que amanhã, quinta-feira, ultrapasse a barreira das 4 milhões de casos de infecção confirmados.
As autoridades sanitárias indicam que 3.210.405 pessoas são consideradas recuperadas da doença, enquanto 663.680 permanecem em acompanhamento.
Ainda segundo o site do Ministério, a taxa de letalidade é de 3,1%. Sobre a incidência da doença, são anunciadas uma taxa de mortalidade calculada em 58,9 mortes por cada 100 mil habitantes e 1.902,4 casos por cada 100 mil habitantes. Ambos os indicadores subiram em relação à véspera (ontem a taxa de mortalidade era de 58,3 mortes e existiam 1.880,1 casos por cada 100 mil habitantes).
O Brasil é o segundo país do mundo com mais mortes e mais casos de contágio pelo novo coronavírus, sendo apenas superado pelos Estados Unidos (mais de 184 mil mortes e mais de 6 milhões de casos de infecção).
VIA...NOTÍCIAS AO MINUTO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são pessoais, é não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado, Infonavweb!

Topo