quarta-feira, 23 de dezembro de 2020

Novas infecções sobem na Espanha. "As coisas não estão evoluindo bem"

 

Foram notificados mais de 12 mil casos de contágio em 24 horas.

© Juan Medina/Reuters

O Ministério da Saúde espanhol divulgou o boletim epidemiológico desta quarta-feira, que deu conta de 12.386 novos casos de Covid-19 e mais 178 óbitos. O número de casos de infecção subiu face ao dia anterior (na terça-feira foram reportados 10.654 contágios).


No total, a Espanha soma 1.842.289 testes positivos ao coronavírus e 49.698 vítimas mortais.

A taxa de incidência acumulada de casos voltou a progredir. Nos últimos 14 dias verificaram-se 254 infecções por 100 mil habitantes.

Nos últimos sete dias, 2.218 pessoas que padecem da Covid-19 deram entrada nos hospitais espanhóis, incluindo 155 pacientes que foram internados nas unidades de cuidados intensivos.



Na coletiva de imprensa desta quarta-feira, o ministro da Saúde espanhol, Salvador Illa, não escondeu a preocupação com a consistente subida da taxa de incidência acumulada de casos. "As coisas não estão evoluindo bem. Os dados confirmam uma evolução ascendente da pandemia no nosso país", realçou.

Face ao atual panorama, o ministro não descartou a possibilidade de serem endurecidas as medidas para combater o coronavírus.

Salvador Illa ressalvou ainda que não há conhecimento de casos das novas estirpes do SARS-CoV-2 na Espanha.

O responsável pela pasta da Saúde do governo de Pedro Sánchez revelou durante a coletiva de imprensa que será em Guadalajara, no domingo, quando a primeira pessoa em solo espanhol será vacinada com a Pfizer e da BioNTech contra a Covid-19.

E Illa mostrou-se esperançoso. "É um começo. É o princípio do fim deste maldito vírus", enfatizou.

VIA...NOTÍCIAS AO MINUTO  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são pessoais, é não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado, Infonavweb!

Topo