segunda-feira, 11 de janeiro de 2021

Twitter deleta contas de propagadores das teorias de conspiração QAnon

Alguns deles são aliados do (ainda) Presidente dos EUA, Donald Trump, que também foi banido na rede social

© Shutterstock

 Não satisfeito por banir Donald Trump, o Twitter começou também a banir alguns aliados do Presidente dos EUA assim como figuras relevantes da teoria de conspiração QAnon.

Segundo o Mashable, o Twitter baniu o antigo conselheiro de segurança nacional, Michael Flynn, assim como a ex-advogada de campanha Sydney Powell. Além disso, a rede social também baniu Jim e Ron Watkins, pai e filho (respetivamente) que se acredita serem responsáveis pelo fórum 8Kun, usado para proliferar o movimento QAnon.

“Temos sido claros que tomaremos ações fortes contra comportamento que tenha potencial para levar a perigo offline e, dado o renovado potencial para violência que envolve este tipo de comportamento, vamos suspender permanentemente contas dedicadas ao compartilhamento de conteúdo QAnon”, pode ler-se no comunicado do Twitter.

VIA...NOTÍCIAS AO MINUTO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são pessoais, é não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado, Infonavweb!

Topo