sexta-feira, 9 de outubro de 2020

Reino Unido reporta 13.864 novos casos de Covid-19 e mais 87 mortes

Há 3.660 doentes hospitalizados no Reino Unido devido ao novo coronavírus.

© Getty Images


As autoridades de saúde britânicas reportaram nesta sexta-feira 13.864 novos casos de infecção pelo novo coronavírus, elevando o total de casos confirmados para 575.679. O número diário de contágios de hoje é ligeiramente inferior ao de ontem (17.540).

No que diz respeito ao número de óbitos, há registro de mais 87 desde ontem, aumentando para 42.679 o total de óbitos associados à Covid-19.

O quadro de informação atualizado diariamente indica um conjunto de 57.347 mortes, que inclui o balanço oficial e aquelas cuja certidão de óbito faz referência ao coronavírus mas cuja infecção não foi confirmada por teste.

Os dados de hoje indicam que há 3.660 pacientes hospitalizados, dos quais 436 se encontram em unidades de cuidados intensivos.Dados publicados hoje pelo governo indicam que o número de infecções está a aumentar entre 4 a 9% todos os dias, com destaque para o norte e leste de Inglaterra, mas o índice de transmissibilidade efetivo (Rt) desceu ligeiramente para entre 1,2 e 1,5%.

O Sage, grupo de assessores científicos do governo, disse, no seu relatório semanal de análise dos dados, que é "quase certo que a epidemia continua a crescer exponencialmente em todo o país".No seu estudo à prevalência do vírus, o Instituto de Estatísticas

britânico (ONS, na sigla em inglês) estimou que 224.400 pessoas em Inglaterra tiveram Covid-19 entre 25 de setembro e 01 de outubro, 0,41% da população, quase o dobro dos níveis da semana anterior.Os números representam um salto de 116.600 pessoas, ou 0,21% da população, que foram estimados no estudo relativo à semana de 18 para 24 de setembro.

Este estudo incide em residências privadas e não inclui pessoas que estão em hospitais, lares de idosos ou outras instituições de saúde.

O governo britânico está avaliando uma série de restrições mais apertadas para introduzir nos próximos dias em pontos críticos com surtos de coronavírus em Inglaterra, nomeadamente nas grandes cidades do norte, como Liverpool, Manchester e Newcastle.As medidas poderão implicar o encerramento de bares e restaurantes, tal como a Escócia vai fazer durante 16 dias em Glasgow e Edimburgo, para tentar interromper a cadeia de transmissão do vírus.

Antecipando o anúncio, o ministro das Finanças, Rishi Sunak, revelou um novo pacote de medidas para apoiar a economia das regiões mais afetadas por surtos de Covid-19 para reduzir o impacto na economia.O governo vai pagar 67% do valor dos salários até um máximo de 2.100 libras por mês (2.300 euros) se as empresas forem forçadas a fechar devido a restrições locais ou nacionais relacionadas com a pandemia Covid-19 nos próximos seis meses.

VIA...NOTÍCIAS AO MINUTO  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são pessoais, é não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado, Infonavweb!

Topo