segunda-feira, 18 de maio de 2020

Governadores são convidados para reunião com Bolsonaro

Na pauta está a sanção do projeto de socorro emergencial aos Estados e municípios para o enfrentamento dos efeitos decorrentes da pandemia.



© Getty

Além do Nordeste, governadores de outras regiões também receberam o convite para participar de uma reunião por videoconferência com o presidente Jair Bolsonaro na quinta-feira, 21.


Os governadores de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), de Mato Grosso, Mauro Mendes (DEM), do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), e do Paraná, Ratinho Júnior (PSD), confirmaram terem sido chamados. Mais cedo, apenas governadores do Nordeste haviam confirmado o convite.
Na pauta está a sanção do projeto de socorro emergencial aos Estados e municípios para o enfrentamento dos efeitos decorrentes da pandemia do novo coronavírus. O projeto foi aprovado no Senado no dia 6 de maio e até hoje não foi sancionado por Bolsonaro. O programa de socorro previsto na proposta destina R$ 60 bilhões aos Estados e municípios para compensação de perdas de receita e ações de prevenção.
O presidente quer vetar a possibilidade de reajuste dos salários dos servidores até 2021, mas quer chegar a um acordo com os governadores antes. O prazo para ele decidir sobre o projeto acaba no dia 27.
Ontem, os secretários de Fazenda dos Estados e do Distrito Federal enviaram uma carta a Bolsonaro em que pedem a imediata sanção do projeto de socorro emergencial aos Estados e municípios para o enfrentamento dos efeitos decorrentes da pandemia do novo coronavírus. Os secretários alegam que o projeto está à disposição do presidente para sanção há uma semana e expressam preocupação com a demora. A carta foi divulgada ontem pelo Comitê Nacional de Secretários de Fazenda, Finanças, Receita ou Tributação dos Estados e do Distrito Federal (Comsefaz).
VIA...NOTÍCIAS AO MINUTO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são pessoais, é não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado, Infonavweb!

Topo