sexta-feira, 15 de maio de 2020

Nelson Teich pede demissão do Ministério da Saúde

Uma coletiva de imprensa será marcada nesta tarde, de acordo com a pasta

© Reuters
ministro da Saúde, Nelson Teich, deixou o cargo na manhã desta sexta-feira (15), antes de completar um mês à frente do Ministério da Saúde. Em nota, a pasta informou que o médico pediu demissão.

O secretário executivo, general Eduardo Pazuello, assume interinamente.

Nelson Teich assumiu o cargo no dia 17 de abril. Logo após Luiz Henrique Mandetta ter sido exonerado pelo presidente Jair Bolsonaro.  
Mandetta e o presidente Jair Bolsonaro divergiam sobre os caminhos para o combate à pandemia do novo coronavírus no país, como as medidas de isolamento social e o uso da hidroxicloroquina no tratamento de pacientes.
Na segunda (11), Teich foi informado pela imprensa da decisão do presidente de aumentar a lista de atividades essenciais com salões de beleza, academias e barbearias e se mostrou surpreso.
Também foi enquadrado por Bolsonaro a ampliar o uso da cloroquina também para pacientes com quadros leves da Covid-19, apesar da falta de evidências científicas do medicamento para o novo coronavírus.
No comunicado, a pasta não esclarece o motivo da saída, mas informa que uma coletiva de imprensa será marcada para esta tarde.
Notícia em atualização
VIA...NOTÍCIAS AO MINUTO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são pessoais, é não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado, Infonavweb!

Topo