quarta-feira, 18 de agosto de 2021

Randolfe vai representar contra Lindôra Araújo por manifestação sobre máscara

 

O motivo é a manifestação de Lindôra ao Supremo Tribunal Federal (STF) sobre um caso envolvendo o fato de Bolsonaro não ter usado máscaras em locais públicos

© Roque de Sá/Agência Senado

O vice-presidente da CPI da Covid, Randolfe Rodrigues (Rede-AP), afirmou nesta quarta-feira (18) que irá, junto de outros senadores, representar contra a subprocuradora-geral da República Lindôra Araújo no Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP).

O motivo é a manifestação de Lindôra ao Supremo Tribunal Federal (STF), na qual a subprocuradora afirmou não ser possível confirmar a exata da eficácia da máscara de proteção como meio de prevenir a propagação do novo coronavírus.

O parecer foi enviado em duas ações movidas pela oposição contra o presidente Jair Bolsonaro por sair sem máscara e causar aglomeração em eventos públicos durante a pandemia.

"A decisão ontem de Lindôra Araújo contraria totalmente a ciência, as recomendações da OMS, as recomendações da nossa Anvisa, toda a lógica da ciência", disse Randolfe, antes de finalizar a sessão da CPI da Covid que ouviu o advogado da Precisa Medicamentos, Túlio Silveira.

Nos dois processos em trâmite no STF, a subprocuradora defendeu o arquivamento das notícias-crimes por considerar que o comportamento do presidente teve baixa lesividade. "Essa conduta não se reveste da gravidade própria de um crime, por não ser possível afirmar que, por si só, deixe realmente de impedir introdução ou propagação da COVID-19", escreveu.

VIA...NOTÍCIAS AO MINUTO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são pessoais, é não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado, Infonavweb!

Topo