quarta-feira, 25 de março de 2020

Cerca de 30% dos infectados em países europeus foram hospitalizados

Segundo o relatório do ECDC, o número de casos da covid-19 em toda a Europa "está aumentando rapidamente".

© DR

Cerca de 30% das pessoas contagiadas até hoje pelo novo coronavírus nos países da União Europeia (UE), Islândia, Liechtenstein e Noruega foram hospitalizadas, das quais 4% apresentavam sinais de doença grave.


De acordo com um relatório divulgado hoje pelo Centro Europeu de Prevenção e Controle das Doenças (ECDC, na sigla inglesa), mais de 200 mil pessoas foram infectadas até hoje pela doença provocada por um novo coronavírus (SARS-CoV-2) na Europa. O número de mortes é acima de 10 mil.
Este total inclui os 27 estados-membros da UE, Islândia, Liechtenstein e Noruega - que integram o Espaço Econômico Europeu (EEE) -, além do Reino Unido.
O documento publicado sublinha que, de acordo com as informações disponíveis, "30% dos casos diagnosticados" da covid-19 nos países da UE/EEE "foram hospitalizados" - excluindo os casos registrados no Reino Unido.
O estudo acrescenta que, entre os países da UE/EEE, 4% dos casos confirmados de contágio pela doença covid-19 apresentavam sinais de "doença grave".
Segundo o relatório do ECDC, o número de casos da covid-19 em toda a Europa "está aumentando rapidamente" e a seguir "uma trajetória semelhante à que foi observada em Hubei [a província chinesa onde foi descoberto o SARS-CoV-2]", entre o final de janeiro e o início de fevereiro, e na Itália, entre o final de fevereiro e o início de março.
O Centro Europeu de Prevenção e Controle das Doenças dá também conta de que o risco de doença grave associada à covid-19 na Europa é "atualmente considerado moderado" para a generalidade da população e "muito alto" para pessoas mais velhas ou com doenças crônicas.
O risco de disseminação comunitária a nível nacional em todos estes países, durante as próximas semanas, também é considerado moderado, se houver medidas de mitigação da propagação da pandemia eficazes.
Contudo, a proliferação do novo coronavírus poderá ser "muito alta" se forem implementadas "medidas de mitigação insuficientes".
Já o risco de a capacidade dos sistemas de saúde dos países europeus ser excedida é considerado alto.
O continente europeu, com cerca de 240.000 infectados, é aquele onde está surgindo atualmente o maior número de casos, e a Itália é o país do mundo com mais vítimas mortais, com 7.503 mortos em 74.386 casos registrados até hoje.
A Espanha é o segundo país com maior número de mortes, registrando 3.434, entre 47.610 casos de infecção.
Em Portugal, há 43 mortes, mais 10 do que na véspera (+30,3%), e 2.995 infecções confirmadas, segundo o balanço feito hoje pela Direção-Geral da Saúde, que registra 633 novos casos em relação a terça-feira (+26,8%).
VIA...NOTÍCIAS AO MINUTO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são pessoais, é não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado, Infonavweb!

Topo