Publicidade

segunda-feira, 19 de julho de 2021

Globo demite cinegrafista acusado de assédio em Tóquio

 

O crime teria acontecido durante uma festa entre os funcionários da emissora em um hotel no Japão

© Shutterstock- imagem ilustrativa

Na última sexta-feira (16), um escândalo envolvendo uma denúncia de assédio tomou os bastidores da TV Globo e a emissora decidiu demitir um de seus profissionais que estava no Japão para a cobertura das Olimpíadas em Tóquio.

De acordo com informações do site 'Notícias da TV', cinegrafista Mikael Fox, que estava na emissora havia 15 anos, foi demitido após duas produtoras o acusarem e provarem internamente que foram vítimas de assédio.

O caso teria acontecido durante uma festa no hotel onde profissionais da Globo, que participarão da cobertura do evento esportivo, estão hospedados.

"Por decisão da Globo, que não foi tomada por nenhum profissional do time que está em Tóquio, o repórter cinematográfico Mikael Fox não faz mais parte do time de Esporte da empresa. Sobre os questionamentos de compliance, a Globo não comenta assuntos de Ouvidoria, mas reafirma que todo relato de assédio, moral ou sexual, é apurado criteriosamente assim que a empresa toma conhecimento. A Globo não tolera comportamentos abusivos em suas equipes", diz a nota oficial enviada pela emissora.

VIA...NOTÍCIAS AO MINUTO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são pessoais, é não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado, Infonavweb!

Topo