terça-feira, 30 de novembro de 2021

Família recebe diploma de estudante assassinada

A família da jovem foi convidada a receber o diploma de conclusão de licenciatura, naquela que seria a sua cerimônia de graduação.

© Getty Images


Em maio de 2020, Aya Hachem, de 19 anos, estava cursando sua licenciatura em Direito, na Universidade de Salford, no Reino Unido, quando foi assassinada, ao ser atingida pelos disparos de um veículo, em Blackburn.

Agora, a família da jovem foi convidada a receber o seu diploma de conclusão de licenciatura, naquela que seria a sua cerimônia de graduação.

“Sabíamos que ela iria terminar o curso. Ia ser fácil para ela. Ela era muito trabalhadora e uma pessoa incrível”, disse Ibrahim, irmão de Aya, à BBC.

“Estamos muito tristes, porque preferíamos que ela estivesse aqui conosco”, admitiu.

A mãe de Aya foi ovacionada ao receber o diploma da filha.

Aya estava “no local errado à hora errada” quando foi assassinada - o empresário Feroz Suleman ordenou a execução de um empresário rival, mas Aya acabou sendo atingida pelo disparo, enquanto se dirigia ao supermercado.

Suleman e outros seis homens foram este ano condenados a prisão perpétua pelo homicídio da jovem e por tentativa de homicídio.

Perante a morte de Aya, o diretor assistente da universidade quis reconhecer aquilo que a jovem poderia ter vindo a alcançar, adiantando ser “muito importante para a universidade enquanto comunidade que a sua família viesse e celebrasse a sua vida”, disse, citado pela BBC.

“Aya era uma aluna muito querida e inteligente, que teria um futuro fantástico à sua frente”, acrescentou.

 VIA...NOTÍCIAS AO MINUTO 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são pessoais, é não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado, Infonavweb!

Topo