domingo, 12 de junho de 2022

Design Apple será mais personalizado e adaptado ao utilizador

Apesar das pequenas melhorias, a Apple mantém o mesmo design e linha de marca que sempre possuiu.

© Getty Images


O design da Apple vai sofrer pequenas alterações em prol do utilizador. Na conferência anual de software Worlwide Developers Conference (WWDC), foram reveladas pequenas melhorias no sentido de atender às 'falhas' do ser humano enquanto utilizador. 

'Falhamos' quando nos esquecemos das senhas, a escrever uma mensagem ou a enviar um e-mail que ainda não estava finalizado. Somos humanos e todas estas coisas acontecem diariamente.

Com isto em vista, a WWDC deste ano abriu o véu da suavização da Apple no que diz respeito à atualização.

Macs, iPads e iPhones mais "tolerantes"

De acordo com o The Verge, Macs, iPads e iPhones passarão a ser mais tolerantes com os erros que cometemos. E que erros? O aplicativo de Mensagens em todas as três plataformas permitirá um período de carência de 15 minutos após o envio de um iMessage para corrigir erros de digitação ou desfazer o envio por completo caso se arrependa do que enviou. No caso dos e-mails, o Mail permitirá que você recupere um envio em 10 segundos após carregar no botão 'enviar'. A pesquisa no app de correio eletrônico Mail também está será atualizado.

Também nos alarmes haverá atualizações que tornem o uso melhor e mais rápido. 

Perdido no seguimento de e-mails? Em breve haverá melhorias

Nem sempre conseguimos responder a uma mensagem ou e-mail no minuto em que o lemos porque não queremos que desapareça num seguimento de e-mails ou outras mensagens. 

Como tal, a Apple permitirá que marque a mensagem como não lida acrescentando um pequeno sinalizador que o lembre que aquela mensagem ou e-mail ainda não foi respondida.

O Mail também moverá as mensagens enviadas para o topo da sua caixa de entrada para as acompanhar mais facilmente. 

Apple manterá a mesma linha de sempre

Apesar das pequenas melhorias, a Apple mantém o mesmo design e linha de marca que sempre possuiu. As novas opções de personalização do dispositivo, pensadas para a próxima atualização, não mudam o que “inegavelmente continuará a ser o iPhone”, como referiu o vice-presidente sénior de software Craig Federighi.

No fundo, o aparelho poderá ser mais personalizado para si, mas não deixará de ser um produto Apple.

  VIA...NOTÍCIAS AO MINUTO  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são pessoais, é não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado, Infonavweb!

Topo