terça-feira, 7 de junho de 2022

Imagens mostram o desespero de quem atravessa o rio para chegar aos EUA

A fronteira sul dos EUA está passando por um pico histórico nas passagens de imigrantes.

Imagens mostram o desespero de quem atravessa o rio para chegar aos EUA -

Gael tem um ano. A mãe muda-lhe a fralda.

Desde que o Presidente Joe Biden tomou posse nos Estados Unidos, a imigração na fronteira sul do país tem aumentado para níveis que não se registravam há décadas.

As travessias nos últimos dois meses já ultrapassaram os números elevados do verão passado e é esperado que a tendência continue, embora, com restrições pandêmicas ainda em vigor, quase não haja acesso a asilo, segundo The New York Times.

Imagens mostram o desespero de quem atravessa o rio para chegar aos EUA -

Gael tem um ano. A mãe muda-lhe a fralda.

© Reuters


Imagens mostram o desespero de quem atravessa o rio para chegar aos EUA - A fronteira sul dos EUA está a assistir a um pico histórico nas passagens de migrantes.

© Reuters


Imagens mostram o desespero de quem atravessa o rio para chegar aos EUA - A fronteira sul dos EUA está a assistir a um pico histórico nas passagens de migrantes.

© Reuters


A grande maioria dos imigrantes cruza para os Estados Unidos em pontos entre os portos oficiais de entrada, atravessando a fronteira a pé ou nadando através do Rio Grande, quase sempre sob a vigilância de guias aprovados por cartéis do México. 

Grandes grupos, incluindo famílias e menores não acompanhados, entregam-se à patrulha de fronteira todas as noites.

As imagens mais recentes da Reuters mostram dezenas de pessoas chegando a Roma, no Texas. Lá, são recebidos pela Guarda Nacional do Exército.

 VIA...NOTÍCIAS AO MINUTO    

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são pessoais, é não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado, Infonavweb!

Topo