domingo, 1 de dezembro de 2019

Cesar Asfor Rocha: suposições de Palocci não têm respaldo nos fatos

A Polícia Federal deflagrou hoje uma nova fase da Operação Appius para cumprir dois mandados de busca e apreensão em escritórios de advocacia de São Paulo e de Brasília ligados ao ex-ministro do Superior Tribunal de Justiça Cesar Asfor Rocha

© REUTERS
A defesa do escritório Cesar Asfor Rocha Advogados afirmou nesta sexta-feira, 29, em nota, que "aguarda com serenidade as apurações baseadas em afirmações do ex-deputado Antônio Palocci. As suposições com que o ex-petista, já condenado por corrupção, tenta comprar sua liberdade não têm respaldo nos fatos."


A Polícia Federal deflagrou na manhã desta sexta-feira uma nova fase da Operação Appius para cumprir dois mandados de busca e apreensão em escritórios de advocacia de São Paulo e de Brasília ligados ao ex-ministro do Superior Tribunal de Justiça Cesar Asfor Rocha, hoje aposentado.
A investigação foi inicialmente desencadeada no dia 7 para investigar supostas propinas pagas pela empreiteira Camargo Corrêa a agentes públicos com o objetivo de suspender e anular a Operação Castelo de Areia. A Operação tem base na delação do ex-ministro Antônio Palocci (Governos Lula e Dilma).
VIA...NOTÍCIAS AO MINUTO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são pessoais, é não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado, Infonavweb!

Topo