terça-feira, 3 de dezembro de 2019

Maia diz ser possível votar nesta semana marco do saneamento

Segundo Maia, é "possível" que o projeto de lei seja apreciado nesta semana, mas o deputado ponderou que isso irá depender da duração da sessão do Congresso Nacional

© Fabio Rodrigues Pozzebom / Agência Brasil
O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), evitou cravar a data em que o projeto de lei que atualiza o marco legal do saneamento será votado no plenário da Casa, apesar de dizer que o tema é prioridade para ele. A expectativa era de que o projeto fosse à votação ainda nesta terça-feira, 3.
Segundo Maia, é "possível" que o projeto de lei seja apreciado nesta semana, mas o deputado ponderou que isso irá depender da duração da sessão do Congresso Nacional.
"É possível (votar nesta semana), mas tem que ver quanto tempo vai levar o Congresso", disse o presidente da Casa ao ser questionado pela imprensa.
Maia admitiu ainda a possibilidade de a proposta ser deliberada apenas na próxima semana.
O presidente da Câmara também disse achar que há "uma boa maioria" sobre o projeto, mas ressaltou que é preciso "ter conforto" e "cuidado" para levar o tema ao plenário. "Na minha prioridade, sem dúvida nenhuma, é o saneamento. Mas prioridade tem que se transformar em maioria. Eu acho que tem uma boa maioria. Estou construindo com relator da matéria e ouvindo líderes para entender como está a situação. Acho que há maioria tranquilo, mas tem que trabalhar com cuidado", comentou Maia.
Questionado se o projeto do saneamento seria o primeiro item da sessão plenária da Câmara, o deputado disse não saber, e indicou que o projeto do pacote anticrime pode ter apreciado por primeiro. "Não sei, porque a gente quer votar também projeto Anticrime, entre hoje e amanhã, então talvez seja o primeiro. Tem outros projetos que interessam bancada do agronegócio, tem que ver o que a gente vai conseguindo avançar", disse.


VIA...NOTÍCIAS AO MINUTO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são pessoais, é não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado, Infonavweb!

Topo