terça-feira, 10 de novembro de 2020

STF dá 48 h para Anvisa fornecer informações sobre Coronavac

O ministro quer que a Anvisa dê explicações mais aprofundadas sobre o atual estágio de testes em que se encontra a vacina.

© Fabio Rodrigues Pozzebom

O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), tem 48 horas para prestar informações complementares acerca dos critérios utilizados para proceder aos estudos e experimentos concernentes à vacina, bem como sobre o estágio de aprovação desta e demais vacinas contra a Covid-19. As informações foram divulgadas pela CNN Brasil.


Atualmente, há ações na corte que tratam do tema – três favoráveis à vacinação mais ampla e/ou obrigatória, e uma que pede a proibição da vacinação compulsória.

Ainda segundo a CNN, o STF determinou que a Anvisa forneça explicações mais aprofundadas a respeito do atual estágio da vacina Coronavac. Ontem o órgão anunciou que os testes com o imunizante foram suspensos.

Lewandowski é o relator, no Supremo, das ações que tratam de questões relacionadas às vacinas da covid-19.

O ministro decidiu levar a plenário as ações. Agora, cabe ao presidente da corte, ministro Luiz Fux, marcar o julgamento.

VIA...NOTÍCIAS AO MINUTO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são pessoais, é não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado, Infonavweb!

Topo