terça-feira, 16 de novembro de 2021

Polícia acha quase R$ 180 mil em compartimento secreto de carro em rodovia de SP

A grana, ainda de origem desconhecida, tinha cédulas de reais variadas

© Reprodução / PRF

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Agentes da Polícia Rodoviária Federal encontraram R$ 179,6 mil escondidos em um compartilhamento secreto de um carro parado, na tarde desta segunda-feira (15), no km 439 da rodovia Régis Bittencourt, em Registro (188 km de SP). A grana, ainda de origem desconhecida, tinha cédulas de reais variadas.

Segundo a polícia, o veículo, um Citroën C$ Pallas, era conduzido por um homem de 40 anos. Ele disse aos policiais que ia de Joinville (SC) para São Paulo. A consulta aos sistemas criminais apontou que o motorista já possuía antecedentes criminais por roubo e sequestro. "Isso elevou a atenção da equipe", afirmou a PRF, em nota.
De acordo com os policiais federais que participaram da ação, o motorista disse que não havia nada de errado no carro, mas, diante do aparente nervosismo que apresentava, a equipe decidiu aprofundar as buscas no veículo, quando foi encontrado um compartimento secreto no painel com as cédulas.
"A princípio, o homem disse que o dinheiro era dele, mas não explicou a origem", disse a polícia.
A ocorrência foi apresentada no Plantão Policial da Seccional de Registro, onde o dinheiro e o automóvel foram apreendidos para perícia e prosseguimento nas investigações. O homem foi ouvido e liberado.
Esse não foi o primeiro caso de dinheiro com origem duvidosa encontrado em veículos em rodovias de São Paulo. No inicio de setembro, a própria Polícia Rodoviária Federal achou quase R$ 500 mil em uma mala na Fernão Dias, na região de Mairiporã (Grande SP).
No mês passado, a Polícia Militar Rodoviária encontrou cerca de R$ 12 milhões, em notas de real e dólar, em um caminhão. Essa foi a maior apreensão de dinheiro no estado de São Paulo neste ano.

 Via...Notícias ao Minuto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são pessoais, é não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado, Infonavweb!

Topo