segunda-feira, 18 de julho de 2022

EUA. Uber processada por 550 mulheres devido a assédio sexual

Os casos apontam culpas aos condutores da empresa.

© Shutterstock


A Uber está sendo alvo de um processo com o envolvimento de 550 mulheres de vários estados dos EUA, alegando terem sido assediadas, abordadas e atacadas por condutores da empresa, conta o site CNet.

Estes casos estão a ser representados pelo escritório de advogados Slater Slater Schulman, o qual está a avaliar outros 150 casos que poderão em breve juntar-se a este processo.

“A violação é um crime horrível e levamos a sério qualquer uma das denúncias. Apesar de atualmente não podermos comentar, continuaremos a levar muito a sério o tema da segurança no nosso trabalho”, pode ler-se no comunicado da Uber.

VIA...NOTÍCIAS AO MINUTO  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são pessoais, é não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado, Infonavweb!

Topo