sábado, 20 de novembro de 2021

Pelo menos 17 mortos e dezenas de desaparecidos após enchentes na Índia

Pelo menos 17 pessoas morreram e dezenas estão desaparecidas no estado de Andhra Pradesh, no sul da Índia, após vários dias de fortes chuvas, disseram hoje as autoridades locais.

© Lusa


O estado de Andhra Pradesh está a ser atingido por fortes chuvas desde quinta-feira, que provocaram grandes inundações em pelo menos cinco distritos.

O número de mortos aumentou para 17 na noite de sexta-feira, após três pessoas morrerem no desabamento de um prédio, de acordo com a polícia local. Dez pessoas que ficaram soterradas sob os escombros foram resgatadas, mas duas ainda estão desaparecidas.

No início de sexta-feira, pelo menos 12 pessoas morreram quando fortes inundações atingiram o ônibus em que viajavam.

Os esforços de busca e resgate de pelo menos 18 passageiros desaparecidos ainda estão em andamento segundo o portal de notícias The NewsMinute.

Mortes em vários distritos também foram relatadas nos últimos dias e as autoridades alertaram que o número de óbitos pode aumentar à medida que as operações de resgate continuam.

As equipes da Força Nacional de Ajuda a Desastres foram enviadas para os distritos mais atingidos e as autoridades locais resgataram e levaram centenas de famílias para abrigos.

No distrito de Kadapa, um dos mais atingidos, as chuvas e inundações incessantes forçaram as autoridades a encerrar o aeroporto local até quinta-feira.

As autoridades disseram que o rompimento de represas e reservatórios causaram mais inundações, deixando centenas de vilarejos abandonados e muitos residentes presos em suas casas.

As chuvas no sul da Índia neste momento não são incomuns, embora o país tenha visto uma monção prolongada este ano, com especialistas alertando que a mudança climática exacerbou o problema, tornando as chuvas mais intensas e frequentes.

Na semana passada, o estado vizinho de Tamil Nadu foi atingido por inundações e no mês passado pelo menos 28 pessoas morreram no estado de Kerala, no sul do país, devido às fortes chuvas que provocaram deslizamentos de terra.

 Via...Notícias ao Minuto  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são pessoais, é não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado, Infonavweb!

Topo