domingo, 13 de março de 2022

Jornalista americano que cobria guerra na Ucrânia é morto em ataque

Outro jornalista que estava com Renaud no momento também ficou ferido e foi levado para um hospital após o ataque.

© Reprodução/Nieman Foundation for Journalism at Harvard


SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) -Um jornalista americano que cobria a guerra na Ucrânia foi morto nos arredores da capital Kiev, informou neste domingo (13) o chefe da polícia local, segundo a agência Reuters.
Brent Renaud, 51, teria sido baleado quando forças russas abriram fogo contra um carro perto da cidade de Irpin, importante artéria para chegar à capital, disse o diário britânico The Guardian, citando a mesma fonte.


Ele foi inicialmente identificado como repórter do The New York Times, mas o jornal americano divulgou uma nota lamentando sua morte e afirmando que Renaud havia colaborado para o diário pela última vez em 2015.
"Apesar de ele ter colaborado para o The Times no passado (a última vez em 2015), ele não estava na Ucrânia a serviço de nenhum setor do jornal. Notícias iniciais de que ele trabalhava para o jornal circularam porque ele usava uma credencial da empresa de uma pauta de muitos anos atrás."
Outro jornalista que estava com Renaud no momento também ficou ferido e foi levado para um hospital após o ataque. A polícia local fala em dois feridos, sem especificar quem é a outra pessoa.


Os dois homens foram atingidos enquanto dirigiam com um civil ucraniano, também ferido, disse à AFP Danilo Shapovalov.

VIA...NOTÍCIAS AO MINUTO 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são pessoais, é não representam a opinião deste blog.

Muito obrigado, Infonavweb!

Topo